Carrinho

A teia da infância e o labirinto dos castigos

A teia da infância e o labirinto dos castigos
Fabricante: Editora GARCIA
Modelo: 978-85-5512-489-1
Disponibilidade:
Frete Gratis
Preço: R$ 49,00

PagSegur UOL
PagSegur UOL
Qtd:  
      

A teia da infância e o labirinto dos castigos

FORMATO 14X21 | 232 PÁGINAS

UM LIVRO COM DICAS PRÁTICAS DE DISCIPLINA POSITIVA

Quando você olha para uma criança, deixa nela uma impressão; quando a toca, suavemente, causa-lhe um efeito; quando interage com ela, você deixa-lhe marcas. Delas, surgem tecidos com que moldarão suas vidas.
Como parte dessa construção, há que ter muito cuidado para não se embaraçar nos fios, construindo labirintos em vez de teias. 
A criação de filhos pode tornar-se um labirinto quando pais e mães, por algum motivo, embaraçam-se nos perigos que perpassam essa importante missão. Ao utilizarem métodos educativos que envolvem dor, ameaça, medo, humilhação, estão adentrando, cada vez mais, um tenebroso labirinto, criando caminhos emaranhados, cuja saída — para si e para seus filhos — pode ser bem difícil. 
Como orientar a criança em direção ao amadurecimento e realização como ser humano? Como ensinar-lhe até onde pode ir, respeitando o caminhar de quem está ao seu lado? Como corrigir a criança em seus inevitáveis erros? Como educar com amor e, ao mesmo tempo, orientar limites? Quais limites são realmente eficazes e seguros nesse processo?
Como ajudar as nossas crianças a tecer uma infância feliz e segura, em direção a tornar-se um adulto responsável, feliz, pleno?
Ainda que, em especial, as ideias deste livro tenham surgido de uma alargada experiência materna, e desse ativismo — a partir do conhecimento da Disciplina Positiva, em 2009 —, o tema foi aprofundado por meio de estudos e ampliação do debate à luz da Neuropsicopedagogia.
Só desvelando o contexto, é possível entender o significado da teia, podendo, a partir disso, compreender o chamado a sair do labirinto.
 
ANDRÉA MASCARENHAS 
 
Educadora, pedagoga e especialista em Neuropsicopedagogia. Mãe de Allec Levi, nascido em 2003, e de Yude Ravi, nascido em 2009. Ativista contra a violência infantil, com atuação colaborativa na página Crescer sem violência, da qual é cofundadora.
 
Contato:
andreamascarenhas01@gmail.com
 
COM A COLABORAÇÃO DE DRA. THELMA B. OLIVEIRA E PROFESSOR RODRIGO MAGRÃO.
 
 

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim           Bom

Digite o código da imagem:





Facebook