GARCIA marketplace
Carrinho

O Pombo de Carson City

O Pombo de Carson City
Fabricante: Editora GARCIA
Modelo: 978-88-97354-44-4
Disponibilidade:
Preço: R$ 25,00 R$ 22,50

PagSegur UOL
PagSegur UOL
Qtd:  
      

O Pombo de Carson City

O POMBO DE CARSON CITY - Formato 15x21 - 122 páginas (História em quadrinhos)

É a história de uma cidade dominada pela criminalidade, tendo Bill Harley como o pior justiceiro de todos os tempos. Suas maldades mancham as ruas, testemunhas silenciosas de seus crimes impiedosos. Inesperadamente, esse homem tem o destino marcado por um encontro irresistível. O temido assassino dos becos de CARSON CITY transforma-se num mensageiro misterioso. 

VALDECIO CESAR DE ANDRADE - VANDRADE

É brasileiro, pernambucano, desenhista dos bons na arte do preto e branco. Artista premiado em vários Salões Nacionais de Artes Gráficas, inclusive pela Rede Globo através de uma vinheta de sua autoria comemorativa aos 40 anos da emissora, conhecida por "PLIM-PLIM" dos intervalos comerciais. "O POMBO DE CARSON CITY" é seu personagem inédito dos quadrinhos clássicos e vem com uma força inovadora da arte sequencial, ao mesmo tempo dentro da linguagem cristã interdenominacional.


ENTREVISTA REALIZADA NO QUADRO BATE PATO COM O AUTOR EM 01/03/2013

GARCIA edizioni: - Por que o título é O pombo de Carson City? A figura do pombo tem algum simbolismo?

VANDRADE: - "Carson City" foi o cenário de muitos filmes de faroeste em décadas passadas e como sou fã desse gênero, trouxe o nome dessa cidade para ser o título da minha história. O simbolismo do pombo veio da necessidade de contrapor o perfil de violência que antes dominava o personagem principal: de bandido para um cidadão de bem. Outro detalhe importante que me fez escolher um pombo e não outro animal qualquer, foi a história do pombo-correio Cher Ami. Assim ficaria melhor para o leitor compreender a mudança que se fez na vida do personagem durante o enredo e sua missão de levar a mensagem.

GARCIA edizioni: Como surgiu a ideia de escrever sobre esse justiceiro?

VANDRADE: - Quando me converti ao evangelho, queria levar uma mensagem cristã dentro da linguagem dos quadrinhos clássicos, sem nenhum vínculo  denominacional. A vontade de realizar esse projeto foi tão grande que me incorporei no próprio personagem, o que de fato facilitou para mim desenvolver o roteiro.

GARCIA edizioni: - Os seus personagens saem inteiramente da sua cabeça ou você se inspira em pessoas que você conhece?

VANDRADE: - Todo cartunista tem criatividade de inventar "carinhas" de gente e como ando nessa estrada há um bom tempo, o processo de criação dos personagens foi graficamente desenvolvido por mim apenas dando asas à imaginação. 

GARCIA edizion i: - Como você define o processo de criar um personagem e lhe dar vida?

VANDRADE: Se o leitor for mais atento, perceberá que todos os meus personagens são caricaturados, por isso que estão todos com vida. A prova disso é que se eu tirasse todos os balões dos quadros, eles já falariam por si mesmos.

GARCIA edizioni: - Seus personagens se tornam tão vívidos que você tem a impressão que são eles que ditam as regras e como o enredo se desenvolverá?

VANDRADE: - Quando o desenho  e a arte final estão excelentes, dificilmente os personagens deixam o autor desenvolver o enredo. É como o pai que cria o seu filho, que ao crescer decide o caminho a seguir. Ainda bem que os meus personagens captaram bem a minha mensagem e fizeram tudo certinho! (rsrs)

GARCIA edizioni: - O que é mais difícil no processo de criar os personagens e lhes dar características?

VANDRADE: - No meu ponto de vista, todos os personagens de histórias em quadrinhos podem ter vida mas não alma, o que dificulta pra mim, com certeza, criar um personagem MAL com cara de bonzinho.

GARCIA edizioni: - Você se sente totalmente realizado ao concluir um trabalho escrito ou  sempre pensa que poderia ter feito melhor?

VANDRADE: - Estou tão realizado com o meu trabalho que um dia sonho em ver suas páginas transformadas em "cenas reais" - ou melhor - nas telas dos cinemas.

 

CLIQUE AQUI E DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim           Bom

Digite o código da imagem:





Facebook